Fala na cara

Assim como “festas do pijama” (com direito a guerra de travesseiros só de calcinha), os motivos pelos quais meninas vão sempre juntas ao banheiro são combustível para a imaginação de muitos garotos. Sobre as batalhas com lingerie não vou revelar a verdade porque isso é sigilo. Mas a parte do banheiro, desculpem, vou ter que falar.

Acontece que nós vamos juntas porque queremos: 1) dar uma ajeitada no visual 2) a opinião das amigas sobre o mesmo e 3) fofocar. Sim. Nada além disso meninos, peço desculpas pelo balde de água fria. Em uma dessas idas em conjunto ao banheiro, ouvi uma moça desabafando a vida inteira dela para uma amiga.

– Meu bem, ele só quer sexo.

– Mas por que diabos não fala isso de uma vez?!

tumblr_njxw0pyFou1sxyrnzo1_500

É uma excelente pergunta. Assim como a moça, que agora se acabava em lágrimas do meu lado no espelho, eu também não entendo qual é a grande dificuldade em dizer as verdadeiras intenções – e não só em relacionamentos – em tudo. Claro, existem jeitos de dizer certas coisas que, normalmente, não são boas de escutar. Mas nem por isso devemos enganar os outros. Joguei essa pergunta na roda de amigas e:

– Homem é assim mesmo, não sabem dizer que não querem mais ou que só querem sexo e ficam levando as meninas nesse papo.

De novo, esse questionamento não é apenas sobre essa questão polêmica de ser “só sexo” e sim para todo o resto. Se for parar para pensar bem, a gente mente sobre muita coisa e pior, fazemos isso com a desculpa horrível de que é para não magoar o outro. Olha, essa é a maior balela de todos os tempos, porque, eventualmente, os verdadeiros motivos da sua mentirinha vão aparecer e a mágoa vai ser muito maior do que se você tivesse sido honesto(a) desde o começo.

tumblr_nqy5rvCCyU1sxyrnzo1_500

Gostaria de dizer que, com isso, não me refiro à humanidade inteira (e muito menos ao universo masculino exclusivamente), mas haters gonna hate de qualquer jeito, eu sei. Acontece que eu sei bem que sou honesta até demais e isso nem sempre é algo tranquilo ou legal. Mas pelo menos eu não engano ninguém.

Tá namorando e não curte mais a pessoa? Fale. Sua (seu) amiga(o) anda fazendo algo que te incomoda muito? Fale. Seus pais/família estão te controlando além do necessário? Fale também. Tá começando algo novo e percebeu que ainda gosta do (a) ex? Com certeza, fale. Você está saindo com alguém que, claramente gosta muito de você e, do seu lado da história é apenas sexo? Pelo amor de Deus, fale.

Claro, fale com jeitinho, com calma e entenda que o outro merece a chance de escolher sabendo de todos os fatos. Medo de perder pessoas, seja qual o papel que elas representem na sua vida, todo mundo tem. Covardia, por outro lado, devia nem existir.

Numa dessas a pessoa tem a mesma visão da coisa que você e só estava com esse mesmo medo de botar tudo a perder e você nem sabia! Corre o risco dela também discordar e escolher outro caminho. Mas, seja como for, essa confissão que tanto pesa aí vai deixar tudo mais leve, mais livre e, principalmente, mais justo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *